quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Flores...



Flores...

Você está levando sua vida...
Pisando em pedras nos seus dias...
Na sua rotina de animal instintivo...
Quando num dia...
Desses de sol ou chuva...
Você encontra uma rosa...
Uma beleza em flor...
E sem lhe pedir autorização...
Enche seus caminhos de pétalas...
Arrebata seu destino...
Arrancando com as mãos...
O seu rumo...
E você homem determinado...
Nunca mais quer sair desse caminho...
Que te leva ao paraíso...
Até que um vento de primavera...
Leva as pétalas embora...
E você fica perdido...
Sem o caminho escolhido...
Sem o caminho florido...
Num caminho perdido...

By Meier

3 comentários:

  1. você é maravilhoso!

    ResponderExcluir
  2. Lindo! Perfeito! Gostei muito de seu poema...
    "L´essentiel est invisible pour les yeux"

    Não coloque a rosa numa redoma, foi o erro do Pequeno Príncipe. A rosa pode murchar...
    Mas ela ficará ternamente grata se o Pequeno Príncipe a protegê-la suavemente com os seus braços fortes; se o Pequeno Príncipe a amar...
    O que é amor? (eu acho que na parte da Rosa e do Pequeno Príncipe é isso que o autor coloca em xeque: o que é o amor? e o que significa toda essa proteçao (a redoma); seria posse?.

    Bjs
    Te amo, docinho!

    ResponderExcluir
  3. você é maravilhoso!

    ResponderExcluir